sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Hino de Taquarituba.

video

Brasão


Nossa Bandeira



A Bandeira do Município de forma retangular, cortada por 5 faixas horizontais, sendo a do meio, de cor vermelha, o dobro da faixa superior ou inferior, ambas de cor azul, sendo estas separadas da faixa central por duas outras, mais estreitas de cor branca. No centro da faixa vermelha, temos um círculo branco, no centro do qual figura uma folha estilizada de figueira, com o pedúnculo voltado para baixo. A proporção desta bandeira é idêntica à da Bandeira Nacional. Simbologia - os azuis nas faixas superior e inferior, lembram à cor característica do céu de Taquarituba, nas madrugadas de primavera, é a cor simbólica de justiça, lealdade, perseverança, dignidade, firmeza incorruptível, perfeição... O branco-níveo, nas duas faixas intermediárias, mais estreitas, e no círculo, simboliza particularmente o espírito reinante de paz e amizade nos corações dos habitantes de Taquarituba, cor que simboliza pureza, beleza, felicidade, equidade, integridade, verdade, paz, amizade... O vermelho-escuro, na faixa central, mais larga, recorda a cor característica da terra de Taquarituba, o vermelho simboliza audácia, valor, galhardia, nobreza conspícua, domínio, valentia, honra, caridade... A folha da figueira, no centro do círculo branco, é uma das peças heráldicas do Brasão de Família dos Loureiros e evoca o nome do fundador de Taquarituba: Francisco Ferreira Loureiro.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Geografia de Taquarituba


Taquarituba é um município brasileiro do estado de São Paulo. Localiza-se na latitude 23º31'59" sul e na longitude 49º14'40" oeste. Sua população estimada em 2004 era de 23.749 habitantes. Sua altitude é de 618 metros, e possui uma área de 448,14 km².
Foto: Vista do Lago

Limites de Taquarituba

Municípios limítrofes
Norte: Tejupá
Sul : Coronel Macedo e Itaí
Leste: Itaí
Oeste: Taguaí e Coronel Macedo

Um pouco da nossa história.

O núcleo populacional de Taquarituba começou a se formar em uma parte das terras da fazenda Lajeado, localizada na vila de São João Batista do Rio Verde, atual município de Itaporanga. O proprietário dessas terras, Francisco Ferreira Loureiro, é considerado o fundador da cidade e responsável pela criação das bases para seu crescimento. Após ter construído a capela sob a invocação de São Roque, fez também, em 1886, a doação de uma gleba situada na margem esquerda do ribeirão Lageado, afluente do rio Taquari. O povoado que se formou, conhecido por Formiguinhas de Taquari, apresentou relativo desenvolvimento, e foi elevado a distrito do município de Itaporanga em 1º de dezembro de 1896, recebendo na ocasião o nome de São Roque de Taquari. Essa denominação foi alterada para Taquari em 20 de dezembro de 1905, assim permanecendo mesmo depois de sua elevação a município, em 24 de dezembro de 1925. O nome Taquarituba, cujo significado em tupi é “lugar onde há muitas taquaras”, “taquaral”, só foi adotado posteriormente, em 30 de novembro de 1944.
Todos os anos se realiza em Taquarituba a procissão de
Nossa Senhora dos Navegantes em louvor a São José. Nela, a santa sai em procissão de barcos no Bairro dos Costas até chegar à ilha do Porto Taquari, onde é esperada com grande festa.

São Roque Padroeiro de Taquarituba.

São Roque (c. 1295 – 1327) é um santo da Igreja Católica Romana, protector contra a peste e padroeiro dos inválidos e cirurgiões. É também considerado por algumas comunidades católicas como protector do gado contra doenças contagiosas. A sua popularidade, devido à intercessão contra a peste, é grande sendo orago de múltiplas comunidades em todo o mundo católico e padroeiro de diversas profissões ligadas à medicina, ao tratamento de animais e dos seus produtos e aos cães. A sua festa celebra-se a 16 de Agosto.